Ocorreu um erro neste gadget
0

Cirrostratus




As Cirrostratus são véus praticamente transparentes e leitosos de nuvens altas, com aspecto suave ou fibroso. Costumam cobrir grandes áreas do céu, estendendo-se por vários quilómetros quadrados, mas não são frequentemente subtis demais para serem notadas.
Situam-se, geralmente, entre os 2000 e os 9000m de altitude, formando-se em todo o mundo com precipitação, chegada ao solo, inexistentes.
Este tipo de nuvens subdivide-se em duas espécies: Fibratus (quando o véu da nuvem tem um aspecto finamente fibroso ou estriado) e Nebulosus (quando não tem variações de tom). As Cirrostratus podem apresentar duas variedades: Undulatus (quando o véu tem um aspo ondulado) e Duplicatus (quando há mais do que uma camada a diferentes altitudes. Normalmente, isto só é visível quando, à luz de um Sol baixo, a camada mais alta fica iluminada e a mais baixa está à sombra).


Fonte: Pretor-Pinney, Gavin (2007) – “O mundo das Nuvens – História, Ciência e Cultura das Nuvens”, Estrela Polar, 1ª Edição


0 comentários:

A todos os nossos visitantes !!

A partir de agora já podem ver as observações de nuvens feitas nos meses de Dezembro de 2008 e Janeiro e Fevereiro de 2009 !
Esperamos que se divirtam tanto como nós nesta viagem que é a descoberta de nuvens ! :).
Não queremos desiludir os nossos visitantes, por isso vamos continuar a postar mais informações sobre este "novo mundo". :).
Acompanhem-nos ...

:)